SEO pode fazer ou quebrar seu jogo digital. É também algo que as novas empresas frequentemente erram. Aqui estão alguns erros que marcas emergentes são especialmente propensas a cometer, o que pode impactar negativamente o desempenho de seus mecanismos de busca. Certifique-se de se proteger contra eles.

Erro 1: Planejamento inadequado de palavras-chave e ignorar a pesquisa local

Se manter nas palavras corretas é crucial para um negócio. Você quer palavras-chave que sejam competitivas e que capturem a essência do negócio, para que o SEO e o conteúdo combinados proporcionem ao seu site uma classificação alta no Google.

Mas escolher as palavras-chave certas requer pensamento e planejamento e uma ferramenta confiável, como o Planejador de palavras-chave do Google.

Vamos considerar um exemplo hipotético de um dono de estúdio de Pilates no Rio de Janeiro, que tem grandes ambições para sua pequena empresa. Ela pode ou não querer ir para o país, mas ela certamente quer se expandir. Para ela, a palavra-chave ‘estúdio fitness’ não ajudará porque a competição por ela é alta. Ela precisa ser o mais específica possível se quiser se classificar para o topo neste espaço.

‘Estúdio de Pilates Rio de Janeiro’ é melhor. ‘Estúdio de Pilates (bairro)’ é ainda melhor. Quanto mais específicas forem as suas palavras-chave, melhores serão as chances de o seu site ter uma classificação alta para elas, além de introduzir o elemento local sempre que possível.

Pesquisas locais estão em alta de todos os tempos. De acordo com um relatório, “a maioria do engajamento do consumidor com marcas (85-95%) acontece por meio de listagens locais, páginas da Web locais ou outros resultados de pesquisa locais”.

Você pode usar ferramentas como o Ahrefs, AnswerThePublic ou KeywordTool.io para realizar pesquisas de palavras-chave detalhadas, e não se esqueça de tornar suas palavras-chave específicas e focar no local.

Erro 2: Não alinhar o SEO com a estratégia de marketing

Para que o SEO traga os benefícios desejados, é crucial alinhá-lo com a estratégia de marketing mais ampla ou com a visão que você tem para o seu negócio. Quanto maior a clareza de um negócio em relação aos seus objetivos gerais, mais claros são seus objetivos de marketing e mais inteligente é a execução do SEO.

O alinhamento com a estratégia maior direcionará a pesquisa de palavras-chave e a criação subsequente de conteúdo. Não só isso, ele irá determinar a estética do site, bem como a sua mensagem de marca.

Essa é outra área em que marcas emergentes vacilam. Elas não são consistentes em suas mensagens da marca em todo o site e no conteúdo. Websites com mensagens confusas levam os visitantes a abandoná-los rapidamente, o que resulta em uma alta taxa de rejeição (outro ponto ancorado pelo Google).

Erro 3: Ignorar práticas recomendadas de conteúdo

O Google está sempre indexando e desindexando o conteúdo. Como regra, ele recompensa blogs de qualidade e pune os pobres.

No entanto, conteúdo de qualidade não significa apenas uma postagem de blog bem escrita. Um site precisa ter conteúdo suficiente e de alta qualidade para deixar uma marca no Google, e o mecanismo de conteúdo precisa continuar agitado.

Algumas das melhores práticas a esse respeito incluem:

  • Postar conteúdo regular no blog
  • Postar conteúdo novo a cada vez e tomar cuidado para eliminar conteúdo repetitivo
  • Atualizar conteúdo passado para mantê-lo relevante e atualizado
  • Eliminar links com spam de comentários
  • Vincular-se a páginas de autoridade por meio do conteúdo
  • Publicar conteúdo de acordo com o planejador de palavras-chave

Seja claro sobre o significado do negócio em todo o conteúdo do seu site, mas tenha cuidado para não exagerar no uso das palavras-chave escolhidas.

Erro 4: Ignorar a distribuição de conteúdo

Após a criação do conteúdo, vem a distribuição de conteúdo. Você quer que seu conteúdo alcance longe. Nos estágios iniciais, é uma boa ideia enviar seu melhor conteúdo para influenciadores do setor e sites de autoridade para obter visibilidade para a marca. O guest posting é uma maneira confiável de ganhar backlinks de qualidade e aumentar a visibilidade da marca. Ele também pode direcionar um tráfego maior e, consequentemente, um número maior de potenciais leads para o seu site.

Mas ao alcançar as pessoas influentes em seu nicho, é importante enviar e-mails para o ponto certo de contato. A divulgação no Blogger é um processo demorado. Certifique-se de que você não está desperdiçando seu tempo com as pessoas erradas. Você pode usar uma ferramenta como o Norbert para ajudá-lo a encontrar os e-mails com base no nome dos clientes em potencial ou fazer uma verificação por e-mail dos dados existentes dos conjuntos de e-mails que você pode ter reunido.

Erro 5: Não investir em social desde o início

SEO não se limita ao site da sua empresa. Os sinais sociais também afetam o desempenho do mecanismo de busca de um negócio.

Tomando novamente o nosso exemplo do proprietário do estúdio de Pilates, o site dele certamente se beneficiaria de SEO regular e conteúdo de alto nível. Ele, no entanto, também precisa estabelecer uma presença nas mídias sociais para não apenas comercializar seus negócios, mas também ganhar a confiança do Google.

Nosso proprietário do estúdio de Pilates precisa incentivar seus clientes atuais a curtirem sua página de negócios no Facebook, deixar comentários nessa página (e em qualquer outra listagem local em que sua empresa esteja), conseguir que mais pessoas a sigam no social e, como resultado, criem uma persona confiável em geral. A popularidade nas mídias sociais leva a uma distribuição mais ampla de seu conteúdo, o que, por sua vez, reforça seu ranking do Google (e traz uma maior exposição para sua marca).

Erro 6: Conhecimento escasso de mudanças e tendências de SEO

Você não pode simplesmente contratar alguém para otimizar o conteúdo do seu site para os mecanismos de busca e esquecer tudo sobre ele, porque o SEO é uma prática contínua.

Auditorias de SEO precisam ser realizadas periodicamente. Pesquisas na Internet são um espaço dinâmico e propositalmente assim. O Google atualiza constantemente seu algoritmo de busca, levando em conta uma infinidade de fatores para fornecer informações mais precisas e relevantes a seus usuários. No entanto, não informa exatamente sobre essas atualizações, algumas das quais foram drásticas o suficiente para fazer com que empresas desavisadas desmoronassem no ranking.

Você deve ficar de olho nas tendências de SEO e implementar as mudanças assim que souber delas. As melhores práticas a esse respeito salvam sua marca emergente de cair no ranking do Google.

Conclusão

Como Aaron Wall disse, “SEO pode às vezes parecer um jogo de soma zero”. O que funciona hoje pode não funcionar amanhã e você deve estar sempre atento. Além disso, há um número infinito de variáveis ​​a serem rastreadas, o que, a propósito, pode mudar durante a noite.

Mas SEO é necessário. É um trabalho desafiador, que, quando feito da maneira certa, dá muito bem. Uma equipe dedicada de SEO ajudará, porque isso é importante demais para ser deixado apenas para os desenvolvedores/designers da web. Mantenha os pontos acima em mente e você deve ver seus esforços sendo recompensados ​​mais cedo ou mais tarde.

 

Deixe uma resposta